Likestore da Mary Red

Sonha em ter o seu Mary Red mas anda sem tempo de ir às lojas? Adora fazer compras mas morre de preguiça de bater perna por aí?

Nós te entendemos e facilitamos a sua vida!
Compre o seu biquini Mary Red pela internet e fique linda sem sair de casa!

Basta entrar na página da Mary Red no Facebook e clicar na Likestore. Escolha o seu modelo, seu tamanho e o número de peças. Depois é só colocar o seu CEP (o valor do frete é pago pelo cliente) e escolher a forma de pagamento. O produto é enviado logo após a confirmação do pagamento.

Viu como é simples entrar na moda?

Aproveite que o inverno está chegando ao fim e garanta logo o seu Mary Red!

O biquini perfeito – parte IV

Chegamos ao nosso último post desse tutorial prático e infalível. Agora é hora de colocarmos em prática todas as dicas e montar o biquíni perfeito, sem erro nem dúvida.
Veja qual combinação fica mais perfeita para o seu tipo de corpo!

Corpo triangular (costas estreitas, seios pequenos e quadris largos)

Quem tem este formato de corpo precisa criar volume na parte de cima e diminuir os quadris, para que tudo fique proporcional. Sendo assim, o biquíni com a parte de cima tomara que caia estampada e a calcinha lisa, sem laçinho na lateral, é o conjunto perfeito!

Corpo triangular

Parte de cima: tomara que caia; meia-taça; estampada
Parte de baixo: lisa e sem laços

Ampulheta (busto e quadril grandes e cintura fina)

Essa é a mulher com corpo violão. Cheias de curvas naturalmente, muitas erram feio na hora de escolher o biquíni, que deve ser reto e não muito pequeno. Estampas estão liberadas, mas cuidado para não aumentar demais o volume e ficar parecendo que é gordinha.

Corpo ampulheta

Parte de cima: cortininha; estampada ou não
Parte de baixo: reto e um pouco maior; estampada ou não

Retangular (pouca cintura)

Ao contrário do corpo em formato de ampulheta, quem tem o corpo retangular precisa criar curvas. Por isso, é preciso abusar dos detalhes. Estampas, lacinhos, frufrus e babados são muito bem vindos.

Parte de cima: cortininha ou meia-taça
Parte de baixo: lacinho ou babado
Triângulo invertido (ombros largos, seios grandes e quadril estreito)

Independente se é invertido ou não, o corpo em formato triangular pede por equilíbrio. É necessário usar elementos que diminuam a diferença de largura entre os ombros e o quadril. Neste caso, abuse das calcinhas estampadas e com detalhes.Parte de cima: cortininha ou frente única; lisa
Parte de baixo: mais larga e com detalhes
Oval

Quem está um pouco acima do peso e acumula gordura principalmente na barriga deve tomar cuidado na hora de escolher o biquíni. Nada de mini peças ou laçinhos apertados. A dica é esconder as gordurinhas e valorizar as outras partes. Por isso, as calcinhas mais altas e largas são mais indicadas. Os lisos são os preferidos, mas estampas geométricas também podem ajudar a alongar a silhueta.

Corpo oval

Parte de cima: frente única com alças mais largas
Parte de baixo: calcinhas mais altas e largas

Dúvidas resolvidas! Agora é só escolher o seu Mary Red! Aproveite as dicas e monte o seu biquini perfeito. Faça a combinação que quiser, misture modelos e estampas. Vale tudo para arrasar!

Leve o seu Mary Red para passear – Ibitipoca

Julho é um ótimo mês para visitar cachoeiras e curtir um friozinho na serra. Apesar da baixa temperatura, o período de estiagem evita trombas d’água e favorece a caminhada nas trilhas. Minas Gerais tem um milhão de opções de cidadezinhas charmosas, com boas hospedagens  e muita beleza natural, mas sem dúvida a minha preferida é Conceição do Ibitipoca.

Conceição do Ibitipoca

A 330 quilômetros de BH, Ibitipoca tem tudo que se procura no inverno, pousadas aconchegantes, cachoeiras e montanhas. A cidade é pequeninha (tem cerca de dois mil habitantes), mas tem excelentes opções de hospedagem (escolha sempre quartos com lareira porque o frio nessa época é de matar) e de restaurantes. A variedade é grande, vai de comida mineira a pratos mais sofisticados, acompanhados de vinho ou por uma boa cachacinha. Desse jeito, é quase impossível não ganhar uns quilinhos.

Para perder um pouco das calorias, o Parque Estadual do Ibitipoca oferece vários roteiros que levam os visitantes a cachoeiras cheias de lenda, grutas espelhadas e vistas deslumbrantes. O caminho mais famoso (e mais longo – 16km)  é o que leva à Janela do Céu – um local no cume da serra onde todo o esforço do percurso é recompensado pela vista maravilhosa.

Janela do Céu

Apesar de ser menos famoso e desafiante, o meu circuito preferido é o das águas. Ele é relativamente curto e oferece um milhão de opções: grutas, praias, poços e cachoeiras. A caminhada esquenta o corpo e incentiva os mais corajosos a se aventurarem nas águas frias das quedas d’água. O Lago das Miragens merece uma atenção especial. Diz a lenda que ali ocorreu uma batalha entre tribos rivais e o líder de uma delas morreu por não conseguir tirar os olhos da amada, que ao vê-lo ferido debruçou-se sobre o seu ombro e ali morreu junto a ele. Os espíritos dos amantes teriam encarnado nas rochas e suas imagens podem ser vistas nas pedras que cercam o lago.

Lago das Miragens

Verdade ou não, Ibitipoca é um lugar lindo e mágico que merece ser visitado. Escolha o seu Mary Red preferido e se aventura nas águas cristalinas e nas piscinas aquecidas.

Localização: zona da Mata, Minas Gerais
Como chegar: de carro (BR-040 com destino a Lima Duarte) ou de ônibus (saída de Juiz de Fora). Durante o verão, período chuvoso na região, o trecho de estrada de chão entre Santa Rita do Ibitipoca e Conceição do Ibitipoca deve ser feito só com veículos com tração nas quatro rodas.
Quando visitar: qualquer época do ano. O período chuvoso vai de dezembro a fevereiro e a estiagem vai de junho a agosto.
Atrações: Parque Estadual do Ibitipoca, Festival de Jazz (julho) e Festival de Blues (agosto)

O biquini perfeito – parte III

As estampas da moda praia são sempre um capítulo à parte. Superada a fase de temas “aquáticos”, as estampas hoje seguem as tendências globais e são usadas de todas as maneiras. Vale misturar estampado com liso, bolhinha com linhas, cores e formatos. Porém, é preciso prestar atenção em algumas dicas para não errar na hora de montar o biquíni perfeito.

As regras são as mesmas das roupas, mas nos biquínis devem ser levadas mais a sério, afinal, temos poucas peças para contrabalancear ou neutralizar um look. Então, anote tudo!

As estampas tendem a dar impressão de aumento de volume, principalmente as muito coloridas. Por isso, tente usá-las a seu favor! Se você tem pouco seio, abuse de sutiãs estampados e enfatize com uma calcinha neutra. Mas se seu quadril já é mais largo, evite escolher partes de baixo estampadas, pois elas vão dar a impressão de que o seu bumbum é maior ainda.

Cores
A escolha do tom das estampas também influencia bastante o modelito. Desenhos muito coloridos chamam mais a atenção, evidenciando aquela parte, enquanto estampas de cores mais sóbrias passam mais despercebidas. Por isso, use estampas coloridas para valorizar o que você tem de melhor e escolha tons mais neutros para esconder aquelas partes que precisam melhorar.

Cores

Tamanho
O tamanho do padrão da estampa também ajuda a criar ilusão de ótica. Estampas menores criam volume. Preste atenção e use as estampas para “aumentar” o que precisa e diminuir o que merece.

Tamanho

Listras
Biquinis listrados são coringas e ajudam a modelar a silhueta. Nesse caso, vale a mesma lógica das roupas: listras horizontais dão a impressão de mais volume, enquanto as linhas verticais alongam a silhueta. Aproveite este truque!

Listras

Não existe mais receita do que pode ou do que não pode. A única lei é usar as estampas a seu favor. Abuse das cores e formatos e arrase.

Aproveite e confira a nova coleção de biquínis da Mary Red. Temos várias opções de estampas e combinações. Escolha o melhor par para você!

O biquini perfeito – parte II

Agora chegou a hora de escolher a parte de baixo do biquini. Esse é um momento delicado, porque uma calcinha errada pode estragar todo o look, aumentando o quadril ou fazendo as gordurinhas pularem.

Por isso, preste atenção nas nossas dicas para não errar!

Lacinho (ou com a lateral fininha)
Esse modelo é lindo e traiçoeiro, porque ele “aumenta” o volume do quadril e pode apertar as gordurinhas sobressalentes. Por isso, só as mulheres magras e com pouco quadril ficam realmente bem de biquini de lacinho. Vamos nos inspirar nesse modelo e correr para a academia!

Biquini de lacinho

Quem pode: mulheres magras e com pouco quadril.
Quem deve evitar: mulheres que estão mais cheinhas ou que possuem quadril mais largo.

Calcinhas mais altas e largas
Sei que nascemos no Brasil e nos orgulhamos de termos popularizados os mini-biquinis, mas as calcinhas maiores são as que escondem os defeitos e nos ajudam a entrar em forma sem academia. O lado mais grosso ajuda a esconder os pneuzinhos e a frente mais alta disfarça a pochete. Quer coisa melhor??

Biquini mais alto

Quem pode: praticamente todo mundo.
Quem deve evitar: mulheres com corpão, afinal se esforçaram tanto que não devem esconder o resultado de tanta ralação.

Calcinhas retas e com a lateral sem elástico
Esse modelo é o meu preferido, porque não é muito “tampado” e disfarça bem os quilinhos extras. Quem inventou o lado sem elástico merece um prêmio!

Biquini perfeito

Quem pode: todo mundo.

Calcinhas com detalhes, dobraduras e nós são sucessos, mas também merecem atenção! Todo tipo de detalhe chama atenção. Então, se você não gosta do seu culote, da gordurinha lateral ou da sua barriga, nada de escolher uma calcinha com detalhes que evidenciem esse lugar! Além disso, dobraduras e nós criam volume então só vale escolher modelos assim se você tem pouco quadril ou bumbum pequeno.

Aproveite essas dicas e escolha a calcinha Mary Red que mais combina com você!

Amanhã tem mais. Vamos te ensinar a usar as estampas ao seu favor. Aguardem!

 

Bazzar

Que tal aproveitar o sábado para renovar o guarda-roupa e levar o seu Mary Red preferido para casa? E o melhor, tudo com um preço pequenininho (no máximo R$ 60,00!!!).

No dia 21, a Mary Red, a Apoá e a Athimóia fazem um super bazar e você não pode perder! Roupas e biquinis lindos com um preço super bacana.

Aproveite para ficar na moda sem desfalcar a sua conta bancária!

Dia 21 de julho, das 10h às 17h, na Rua Lagoa Dourada, 168, no Prado.

Leve o seu Mary Red para passear – Orlando

Se viajar para a praia no inverno te desanima, é só mudar de hemisfério! Lá no norte as temperaturas estão altíssimas, as praias estão lotadas e o verão está fazendo jus à sua predileção universal.

A TAM está com promoções fantásticas para você viajar para Orlando e Nova York! As passagens, saindo do Rio, BH e São Paulo, para as cidades americanas saem a partir de R$ 1.502,00 ida e volta. Sim, você leu certo! O preço é em Real e inclui os dois trechos.

Disney

Entre no site da TAM e pesquise! Encontrei vários vôos para setembro (bom que dá tempo de resolver o visto e fazer aquele regime para perder as aquisições do inverno!). Aproveite a promoção!!!

Não perca tempo, leve o seu biquini Mary Red para conhecer o Mickey!